Mulher com câncer é agredida e expulsa de festa por segurança

Em entrevista exclusiva, Jane Figueredo Barbosa disse que passou mal dentro da festa e que o segurança confundiu as marcas da quimioterapia com a de uso de drogas. Ela foi retirada do bar à força.

0

O cancer de mama atinge 1 em cada 10 mulheres em todo o mundo. O mesmo aconteceu com Jane, que faz toda semana sessões exaustivas de quimioterapia.

No ultimo fim de semana se encontrou com uma amiga que comemorava o seu aniversario. Em lagrimas, Jane afirma que após descobrir o câncer, quase não sai de casa, devido a enfermidade. E ao encontrar sua amiga, viu a oportunidade perfeita para se divertir um pouco.

Pouco tempo depois de adentrar em um bar, câmeras de segurança mostram que Jane foi empurrada e expulsa com violência do interior do Bar. Ela conta que ainda no bar ela passou mal e se desequilibrou ao tentar se apoiar em uma cadeira, um segurança se aproximou de Jane e em tom de arrogância disse que as marcas que ela possui no braço (proveniente da quimioterapia) eram marcas de uso de drogas, e saiu arrastando Jane para fora do bar.

 

 

Comentários
Carregando...